Please reload

Posts Recentes

STF mantém fim da contribuição sindical obrigatória

July 6, 2018

1/4
Please reload

Posts Em Destaque

Coisas para não se fazer durante a próxima entrevista de emprego

28 Dec 2017

Os últimos indicadores do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) têm mostrado queda no desemprego , mas o dado de que há milhões de desempregados ainda assusta muita gente e a entrada no mercado de trabalho ainda é muito competitiva. E, quando aquela oportunidade de entrevista de emprego aparece, é importante não desperdiçá-la.

 

Muitos afirmam que investir na roupa social e enfatizar as próprias qualidades é o melhor a se fazer. Será mesmo?

Listamos algumas dicas do que o candidato não deve fazer na entrevista de emprego.

 

EVITE FRASES PRONTAS

 

"Quem é vendedor vende qualquer coisa". O bordão ouvido diversas vezes pelos recrutadores é apenas uma das muitas frases prontas que um candidato não deve dizer no momento da entrevista. Trindade explica que em momento nenhum é interessante para o recrutador ouvir isso, porque para vender é necessário muito preparo e estudo para o vendedor, ele deve compreender exatamente as necessidades do cliente.

 

Segundo o especialista, é muito mais interessante o candidato mostrar – de forma breve – quais as estratégias ele utiliza para bater metas e realizar um bom trabalho. Desta forma, o recrutador consegue compreender como a pessoa lida com o cotidiano profissional e o que ele faz diante das adversidades.

 

NÃO CITE APENAS PONTOS POSITIVOS

 

Para complementar a primeira dica, não é muito convincente para o entrevistador ouvir apenas que o candidato é muito bom em bater metas e que é muito eficiente. Nesse momento, também é interessante falar de seus pontos negativos e o que você espera desenvolver como profissional. Isso demonstra que o candidato é uma pessoa humilde, que reconhece as próprias limitações.

 

NÃO FALE MAL DA EMPRESA PASSADA

 

Quando o candidato fala mal da antiga empresa ou chefe, a primeira coisa que o entrevistador vai pensar é que se aquela pessoa for demitida, ela imediatamente vai fazer o mesmo com a sua empresa, ou seja, falar mal dela. É importante que o candidato pense sobre os aprendizados e aspectos positivos que viveu no outro emprego.

 

Não é novidade que a Operação Lava Jato vem revelando nomes de diversas empresas envolvidas nos esquemas de corrupção. E mesmo nesse cenário, Trindade diz que não é bom o candidato apontar suas indignações sobre o ocorrido, porque até mesmo essa companhia foi capaz de trazer resultados positivos para ele como profissional, e é importante citá-los.

 

CUIDADO AO SER MUITO AMIGÁVEL NA ENTREVISTA

 

Primeiramente, o entrevistador deve se adaptar ao candidato, ou seja, se o entrevistado for muito informal, é natural que a conversa se direcione para algo mais descontraído. Mas isso deve ser equilibrado, porque o que o recrutador está avaliando são os quesitos técnico e profissionais.

 

A informalidade pode acontecer em um momento inicial, ou enquanto você estiver falando sobre a sua vida pessoal. Mas quando a conversa chegar na vida profissional, prevalece um diálogo mais sério. É importante entender que o entrevistador não é um amigo, com quem se pode brincar livremente.

 

IR SOCIAL EM UMA EMPRESA INFORMAL É UMA BOA OPÇÃO?

 

O dresscode padrão de roupa social para homens e mulheres vem caindo cada vez mais em desuso nas empresas, principalmente em companhias mais informais, de tecnologia ou startups de outros segmentos. É comum ouvir de responsáveis pela contratação que o candidato "pode ir de bermuda e chinelo que eu vou contratar".

 

A regra de uma roupa mais formal vale para instituições voltadas para o mercado financeiro, que são na essência mais'quadradas'. A questão da vestimenta é muito mais fluida do que parece e, por isso, o candidato deve pesquisar muito bem sobre o lugar que ele está indo, pois é nessa apuração que ele identificará a cultura da empresa e como ela se porta diante de algumas questões, além de tirar conclusões sobre como se vestir na entrevista de emprego. Na dúvida é preferível pecar mais pelo formal do que pelo informal.

 

NÃO FAÇA PERGUNTAS BANAIS

 

Sim, essa dica é para os candidatos. Muitos especialistas afirmam que é interessante o aspirante à vaga fazer perguntas durante a entrevista, mas o headhunter aconselha que não adianta fazer perguntas somente por fazer. Mas o que seriam perguntas desinteressantes?

 

Perguntas cujas respostas são facilmente encontradas no próprio site da empresa, uma vez que essas respostas estão expostas ao público. Ao invés de perguntar qual o resultado financeiro da empresa, o candidato pode questionar quais as estratégias a companhia vêm adotando para conseguir números positivos, porque essas são informações que muitas vezes não são divulgadas.

 

É interessante perguntar quais são os próximos passos da empresa. O candidato deve saber essas coisas porque não é somente a empresa que está em uma posição de escolha, mas também o entrevistado quem está escolhendo um emprego. Pontualidade e sinceridade são dicas que sempre vale a pena reforçar.

 

Mentir para a empresa nunca é uma boa ideia, visto que mais cedo ou mais tarde o departamento de Recursos Humanos vai descobrir a verdade e que também em algum momento aquilo vai ser cobrado. Para concluir, é essencial o candidato ir animado a para entrevista de emprego, com uma boa energia. "Por mais que o momento seja duro, vá de cabeça erguida, com pensamentos positivos.

 

FONTE: 24horasnews.com.br

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Procurar por tags
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square

© 2018 GBA Facilities

  • Instagram
  • LinkedIn ícone social
  • Facebook Social Icon